quarta-feira, 23 de março de 2011

Mentira necessária


Vivo todo dia uma realidade inventada... meticulosamente criada.

Um dia fui uma menina indefesa e carente,
outro fui guerreira e valente.

Ontem? Fui uma cantora de renome, 
até Roberto Carlos pediu meu telefone!

O que hoje sou é segredo... corro um sério risco de vida 
se te contar,
mas uma pouco posso revelar:
A C.I.A está a me espionar!!!

Sabe, tenho identidades secretas,
não sei se um dia tive um nome real.

Cresci em meio o deserto
e aprendi com o vento a arte de estar em todo lugar.

Tenho mais vidas que um gato!
Já tive de usar várias delas...

Mas sabe, te aconselho a não acreditar em tudo,
pois... bem... tenho que confessar:
Eu minto!
Imagino, construo e habito um mundo distinto.

É um vício incontrolável, mas extremamente necessário.
Faço do passado presente, e com este um mundo
- um pouco - 
diferente!


Autora: Radige Hanna.
OBS: Peço a qualquer pessoa que goste de meu poema/mensagem e que queira mostrá-lo a alguém o favor de NÃO PLAGIAR.


3 comentários:

Rafa's Blog disse...

Olá Radige, gostamos e agradecemos o comentário em nosso blog!

Gostamos das diversas comparações entre o 'real e irreal'.. belas palavras e idéia para a concepção do poema.

Se nos permite uma dica, faça um selo no tamanho 120x60 que é padrão web/blogosfera! Isso ajuda seu blog a ser facilmente indexado em outros blogs, quem sabe no Arruma Blog rsrs. Até mais ver Senhorita!

Radige Hanna disse...

Fico feliz que você tenha gostado!

Obrigada pela dica para o meu selo, mas nessas dimensões a imagem que escolhi fica distorcida.
Vou diminuir na lateral do selo para que fique um pouco menor, porque realmente ficou grandinho demais.

Abraço!

Dyle disse...

Oi lindinha!
Tem selinho para vc no blog:
http://tinaup.blogspot.com/2011/04/selinhos.html

ah! aproveite e participe dos sorteios que estão rolando por lá...e se puder divulgue tb...
http://tinaup.blogspot.com/p/sorteios-no-blog.html

abçs
Dyle